Friday, August 11, 2017

Fazendo sentido


Fazendo sentido

O homem come em frente da televisão,   
a estrela polar está fora de lugar,
e, por pura preguiça, o rei renunciou.
Na geladeira ainda há comida,
mas o buraco negro da Via-Láctea,
de repente, sublime, revelou-se,
colorindo toda a galáxia.
Certo estou de que, sorrateiro,
para outra dimensão nos levou.
Na TV há notícias que não saíram,
para que as que nunca aconteceram,
finalmente, livres, pudessem sair.
Vimos coisas que eles não viram,  
e que aconteceram durante a calmaria.
Há um caos sólido no meio da harmonia, 
e uma doce anarquia ressuscitada.
Os anjos finalmente se revelaram,
são feitos de atômicas partículas,
quânticas, randômicas, inusitadas.
Estão de férias definitivas, porém.
Estou tentando fazer sentido,
mas você também precisa me ajudar.
Que sentido, que nada, chega de lógica!
Se o mundo não faz sentido,
por que o poeta haveria de?

XIXIXIXIXIXIXIXIXIXIXIXIXIXIXIXIXIXIXIXIX


Clique aqui:


 À  procura de Lucas


Para adquirir este livro no Brasil 

Clique aqui  ( e-book: R$ 7,32 / impresso: R$ 27,47)

Para adquirir este livro nos Estados Unidos 



No comments:

Post a Comment